WWDC: confira o que a Apple pode apresentar nesta semana

Nesta semana, de 2 a 6 de junho, a Apple vai realizar sua conferência de desenvolvedores, a WWDC (Worldwide Developers Conference). O evento, que acontece em São Francisco, Califórnia, é palco para lançamento dos novos sistemas operacionais da marca, além de novidades em produtos e serviços. No ano passado, por exemplo, foi lançado o iOS 7, o Mac OS X 10 para computadores, o serviço de streaming de música iTunes Radio, entre outros.

Próximo ao evento, diversos rumores começaram a ser espalhados pela imprensa, por especialistas, e blogs especializados, já que pouco é revelado oficialmente. Neste ano, é quase certo que a Apple vai apresentar o iOS 8, que irá rodar nos próximos iPhones, iPads e iPods. O sistema operacional dos Macs, o OS X, deve ganhar uma versão redesenhada, com mudanças que o aproximam mais do software para dispositivos móveis.

Pequenos detalhes do iOS 8 são tema de discussão dos aficionados por tecnologia. Um dos novos recursos seria a possibilidade de usar dois aplicativos simultaneamente no iPad. Seria possível, por exemplo, assistir a um vídeo em metade da tela e escrever um e-mail do outro lado. Esse recurso foi apresentado recentemente no novo Surface Pro 3, da Microsoft.

Healthbook, app de monitoramento de exercícios da Apple, pode ser embutido no iOS 8

Foto: Reprodução/9to5 Mac

O iOS 8 pode ganhar o aplicativo de monitoramento de exercícios e saúde Healthbook. Há rumores do app desde o começo do ano. Segundo o blog especializado 9to5 Mac, a interface do Healthbook é parecida com o Passbook, aplicativo da Apple para manter passagens aéreas, ingressos de cinema e cartões de fidelidade organizados. O Healthbook seria capaz de monitorar batimentos cardíacos, o açúcar do sangue, pressão sanguínea, passos dados, entre outros itens.

Novo hardware
Também é esperado que um novo hardware seja revelado pela empresa na conferência. Uma das possibilidades seria uma nova Apple TV, aparelho que reproduz vídeos do iPhone, iPad e MacBook em televisões. Embora não seja seu produto mais popular, a Apple TV tem ganhado consumidores. Segundo o TechCrunch, o vice-presidente da Apple, Eddy Cue, disse que o aparelho foi responsável por vendas de US$ 1 bilhão no ano passado e que a companhia vai continuar a atualizar o set-top-box. Vale lembrar que a Apple TV já concorre com outros dispositivos similares no mercado, como o Amazon Fire TV e o Chromecast, do Google.

O hardware mais provável de ser anunciado seria uma versão do MacBook Air com tela Retina, tecnologia usada pela marca para que não seja possível ver os pixels da tela a olho nu. Também há rumores de que uma versão de 12 polegadas do notebook seja apresentada. Atualmente, as versões de 11 e 13 polegadas são comercializadas.

Suposto iWatch da Apple

Foto: Reprodução/Business Insider

Por fim, um outro boato diz que a Apple poderia lançar um relógio inteligente, conhecido não oficialmente como iWatch. Embora a fabricante esteja atrasada em relação a dispositivos vestíveis em comparação com concorrentes como Samsung, Google e Sony, é mais provável que ela apresente o smart watch no segundo semestre, quando também é esperado o lançamento do iPhone 6.

Casa conectada
Em março, a Apple lançou o CarPlay, software específico para automóveis para que o motorista acesse mapas, atenda a ligações e responda a mensagens apenas ditando as frases. Na mesma linha da internet das coisas – tendência que prevê que qualquer dispositivo esteja conectado à web -, há boatos de que a empresa de Cupertino apresente um software para uma casa conectada. Por meio dele, seria possível controlar sistemas de segurança, iluminação e eletrodomésticos da casa, de acordo com o Financial Times. O rumor pode se tornar realidade, pois a Apple já registrou uma patente de tecnologia para celulares e tablets que controlaria esses sistemas da casa.

Possibilidades
Especulações não faltam para um dos eventos mais importantes do setor, e a Apple mantém a programação sem detalhes, descrevendo algumas sessões como “ainda é confidencial” ou “você nunca vai adivinhar esta”.

Na internet, ainda existem comentários sobre a entrada da empresa no setor de pagamentos móveis e não se sabe se o que a empresa planeja para o iTunes e iTunes Radio, principalmente depois da compra da fabricante de fones de ouvido Beats Electronics, que inclui também o serviço de streaming de música Beats Music. Ainda podem acontecer muitas surpresas durante a próxima semana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s