Curiosidade do Dia

Pum silencioso é mais fedido?

Na verdade, o fedor de um traque de sucesso não tem nada a ver com o barulho que ele faz. “Todos os cheiros que quase matam a gente dependem do que você comeu e do tipo de bactéria que você hospeda na sua barriga.”, conta Fátima Mesquita, autora do Almanaque de puns, melecas e outras coisas nojentas — lançado pela editora Panda Books.

Geralmente, os puns mal-cheirosos possuem em sua composição o sulfeto de hidrogênio e também o metil-mercaptano, gases à base de enxofre, e que contribuem para o tenebroso cheiro de coisa podre. Esses gases são produzidos por bactérias durante a digestão de alimentos como o tão temido repolho, a carne, ovos e a couve-flor.

O pum com trilha sonora não tem qualquer relação com o bodum. É tudo uma questão de estresse. O pum é barulhento quando faz vibrar os músculos do esfíncter, a parte interna do ânus. “O som depende da pressão, da velocidade com que o gás vem descendo e também do apertume dos músculos. Quando mais relaxada a musculatura da região, menos barulho o pum faz”, explica a autora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s