Jardineiros peladões põem ‘Jardim do Éden’ à venda após divórcio

O Abbey House Gardens, uma casa em Malmesbury, na Inglaterra, conhecida por seus grandes jardins, corre o risco de ser vendida depois que os responsáveis, um casal de “jardineiros peladões”, decidiu se divorciar.

Mansão do século XVI conhecida como 'Jardim do Éden' pode fechar após os jardineiros peladões Ian and Barbara Pollard se divorciarem (Foto: SWNS/The Grosby Group)
Mansão do século XVI conhecida como ‘Jardim do Éden’ pode fechar após os jardineiros peladões Ian and Barbara Pollard se divorciarem (Foto: SWNS/The Grosby Group)

Barbara Pollard, que mantinha a atração turística com o marido, Ian, acusa o inglês de ser um “mulherengo beberrão”, e pode fazer com que a mansão do século XVI seja vendida. A dupla levou cinco anos para desenvolver o ambiente curioso.

O local ficou conhecido como “Jardim do Éden”, já que ambos os responsáveis são adeptos do naturismo, e eram vistos nus com frequência por turistas e visitantes cuidando das plantas no local. Os frequentadores também eram convidados a tirar a roupa para explorar o local.

Como a mansão está à venda, não há certeza de que o novo proprietário irá preservar o local histórico ou permitir que o público em geral visite a propriedade privada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s