Televisão ajuda a curar ursa panda deprimida em zoológico no sul da China

Uma ursa panda do zoológico da cidade chinesa de Kunming, no sul do país, se recuperou da depressão que sofria graças a uma televisão colocada por cuidadores em sua jaula, que conseguiu diminuir a solidão que o animal sentia, informou nesta segunda-feira o jornal “China Daily” em seu site.

A ursa, chamada Sijia, de quase oito anos de idade, começou a demonstrar um comportamento estranho cerca de 20 dias atrás, quando outra panda que vivia com ela há mais de cinco anos, Meiqian, foi transferida de volta para reserva natural de onde havia sido trazida.

“Ela começou a ignorar os cuidadores e a comida, não queria nem o que costumava ser seu alimento favorito”, contou um dos responsáveis por Sijia, Wang Guanqin.

Sijia, de 115 quilos, quase não se movimentava mais, e os visitantes acabavam decepcionados, pois dificilmente conseguiam ver o único urso panda do zoológico.

Diante dessa situação, os responsáveis pelo estabelecimento decidiram seguir as sugestões de alguns visitantes e colocar no recinto de Sijia uma grande tela de televisão para exibir imagens de outros ursos panda.

Desde o primeiro momento, Sijia se sentiu atraída pela tela e voltou a se alimentar normalmente. Além disso, no fim de semana passado, ela voltou a se exibir para os visitantes sem timidez.

As pandas Sijia, Meiqian e Qianqian chegaram ao zoológico de Kunming em 2008, pouco depois de a reserva onde viviam ser atingida pelo forte terremoto de maio daquele ano, que fez com que alguns animais fossem transferidos para outras regiões da China para se recuperarem do trauma.

Qianqian voltou para a reserva, na província central chinesa de Sichuan (habitat natural dos pandas), em 2012, e Meiqian, em março deste ano, para que as duas pudessem tentar acasalar com machos.

O urso panda é um dos mamíferos que corre maior risco de extinção no planeta, além de ser um símbolo nacional da China, o único país do mundo onde esses animais podem ser encontrados livres na natureza.

Atualmente, existem cerca de 1.600 pandas selvagens e outros 210 em cativeiro, reservas e zoológicos de cidades chinesas e de outros países.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s