Santos bate Palmeiras e crava melhor campanha da 1ª fase

No duelo das duas melhores campanhas do Campeonato Paulista, melhor para o Santos. Jogando em casa, na Vila Belmiro, o time alvinegro venceu o Palmeiras por 2 a 1 neste domingo e encerrou a primeira fase com a pontuação mais alta – a vantagem de decidir sempre em casa no mata-mata, porém, ainda pode ser reconquistada pela equipe alviverde dependendo dos resultados das quartas de final em diante.

 

Veja os gols de Santos 2 x 1 Palmeiras pelo PaulistaClique no link para iniciar o vídeo
Veja os gols de Santos 2 x 1 Palmeiras pelo Paulista

Os gols santistas foram marcados por Neto e Thiago Ribeiro ainda no primeiro tempo, enquanto Alan Kardec descontou na segunda etapa. O resultado levou a equipe de Oswaldo de Oliveira aos 36 pontos, um a mais que o Palmeiras, que parou nos 35. O Santos pega nas quartas de final a Ponte Preta, enquanto os palmeirenses encaram o Bragantino.

Thiago Ribeiro fez o segundo do Santos em contra-ataque fulminanteSaiba mais
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

 

Embora sem Cicinho, Jubal, Arouca, Cícero e Leandro Damião, o Santos fez valer a principal força, a movimentação ofensiva, para transformar o Palmeiras em espectador durante 15 minutos. Sem um centroavante definido, o rápido quarteto da frente forçava e conseguia os erros de Lúcio, Tiago Alves e Marcelo Oliveira. Substituto de Fernando Prass, o goleiro Bruno era quem mais trabalhava.

 

Dominando a partida, o Santos abriu o placar aos 24min. Geuvânio bateu o escanteio pela esquerda e Neto subiu mais alto que Marcelo Oliveira para cabecear firme para as redes. O palmeirense ficou pedindo falta no lance, mas o árbitro Luiz Flávio de Oliveira validou o gol.

 

Santistas fizeram festa com a vitória na Vila Belmiro Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
Santistas fizeram festa com a vitória na Vila Belmiro
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Pouco depois, aos 35min, veio o segundo golpe. O Palmeiras tinha a bola no ataque, mas perdeu a jogada e sofreu um contra-ataque relâmpago: Geuvânio lançou Thiago Ribeiro, que ganhou na velocidade da defesa alviverde e bateu rasteiro, no canto, sem chances de defesa para Bruno.

 

Já no fim do segundo tempo, Juninho recebeu de Valdivia pela esquerda e cruzou na medida para Alan Kardec, que subiu alto para cabecear para o fundo do gol. Entretanto, não deu tempo para o Palmeiras buscar o empate.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s