Corinthians assume culpa e se retrata por Mano e Romarinho

Romarinho foi repreendido por acusações Foto: Celio Messias / Agência Lance
Romarinho foi repreendido por acusações
Foto: Celio Messias / Agência Lance

As declarações do atacante Romarinho e do técnico Mano Menezes colocando em dúvida o São Paulo pela derrota diante do Ituano no último domingo provocaram uma reunião na manhã desta segunda-feira no Parque São Jorge que resultou em um pedido de desculpas do Corinthians ao rival. Coube ao gerente de futebol do clube, Edu Gaspar, conceder entrevistas a diferentes meios de comunicação para assumir o 100% de culpa do clube pela eliminação precoce no Campeonato Paulista.

 

Muricy: 'eu sou São Paulo, o Corinthians não é problema meu'Clique no link para iniciar o vídeo
Muricy: “eu sou São Paulo, o Corinthians não é problema meu”

“Após reunião com o presidente Mario Gobbi, eu venho oficialmente dizer que o Corinthians não coloca em dúvida o São Paulo. Às vezes os atletas falam coisas desnecessárias. Quando soube (o que o Romarinho tinha dito), falei com a comunicação e chamei a atenção para que eles não desse mais entrevistas sobre o tema”, disse Edu à TV Bandeirantes, citando a entrevista em que o atacante disse textualmente que “todo mundo sabe que foi armado” ao se referir ao jogo do São Paulo.

 

Mano Menezes foi mais comedido, mas insinuou uma possível entrega por parte do São Paulo ao dizer que no “futebol tudo é possível”. A derrota são-paulina no Morumbi, combinada com o empate entre Corinthians e Penapolense, eliminou o time alvinegro do Campeonato Paulista.

 

“Foi no mesmo perfil do que aconteceu com o Romarinho, com calor de jogo, da eliminação. A culpa é 100% do Corinthians, sabemos onde erramos. Não vamos culpar ninguém. Temos que ser conscientes e grandes o suficiente para saber onde erramos”, complementou Edu Gaspar.

Veja o gol do Ituano que eliminou o CorinthiansClique no link para iniciar o vídeo
Veja o gol do Ituano que eliminou o Corinthians

 

A reunião na manhã desta segunda-feira contou inclusive com a presença do técnico Mano Menezes. “Ele também se expressou que de forma contundente (que não acredita em entrega do São Paulo). O que foi dito estava no calor do jogo”, afirmou Edu, pedindo desculpas diretamente a Muricy Ramalho, que estava presente no programa de Neto na TV Bandeirantes e reprovou com veemência as insinuações corintianas.   

 

Para finalizar, Edu Gaspar prometeu uma avaliação criteriosa do que aconteceu no primeiro semestre corintiano. “Obviamente não estava nos planos não estar classificados, tínhamos esse objetivo, mas infelizmente não conseguimos. Temos consciência de que o Corinthians, independentemente da importância da competição, da modalidade, da idade, tem de entrar para ganhar. Vamos tentar reajustar algumas coisas para a Copa do Brasil e para o Brasileiro”, disse

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s